Vantagens de proteção veicular

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

A Proteção Veicular oferece alguns benefícios em relação ao seguro que consegue abranger a qualquer contratante do serviço. Dentre eles, os que mais se destacam são o fato de todo o processo ser muito mais simples, rápido, prático e bem menos burocrático. Além disso, com a Proteção o veículo já fica protegido em uma média de 48h após o fechamento do contrato.

Outra vantagem é a facilidade de pagamento oferecida pelas associações. Nelas o você paga uma pequena quantia mensal, ao contrário do seguro em que o valor do seu contrato pode ser parcelado em mais ou menos 4 vezes.

Agora vamos às situações específicas em que a Proteção Veicular é mais vantajosa.

Para carros antigos

Os carros antigos, muitas vezes, são reprovados pelas seguradoras. Isso geralmente acontece porque quando um carro mais antigo precisa passar por um reparo é muito difícil encontrar peças originais. Mesmo quando encontra-se peças paralelas o valor pode ser bem alto.

Quando as seguradoras aceitam esses tipos de carro o valor cobrado pode não ser muito interessante.

Condutores sem garagem

Um dos fatores que mais encarece os seguros é o fato de o carro ficar um grande período na rua, sem proteções físicas. Isso acontece porque condutores que não possuem garagem e deixam seu veículo pernoitar na rua estão mais suscetíveis a furtos.

As Proteções Veiculares analisam apenas o modelo do carro para ter como base o valor do seu serviço, portanto, se ele fica ou não em uma garagem não o fará pagar mais caro por isso.

Para motocicletas

Muitas seguradoras recusam proteger motocicletas, principalmente aquelas que possuem um valor mais elevado. Isso acontece pois as motos costumam ser furtadas mais facilmente, além de sua recuperação ser mais complicada.

Outro ponto que faz com que as seguradoras recusem as motocicletas, é que, em caso de acidentes, o seu conserto pode ficar muito caro pois os danos de uma batida são enormes.

    Procurando proteção veicular ou residencial? Entre agora em contato: