Vale a pena financiar um carro?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

O melhor jeito sempre de comprar um carro é fazer um bom planejamento, sempre economizando mensalmente e se possível, aplicando o dinheiro para que ele renda. Comprar um automóvel a vista pode ser uma boa opção para conseguir descontos ao negociar o valor final com o vendedor. Na teoria essa é uma tática perfeita, já que o não irá pagar juros, comprando um carro por um valor menor do que se tivesse que parcelar. No entanto, nem todo mundo consegue esperar para juntar o dinheiro que um automóvel exige, pois pode precisar do carro para trabalhar ou se locomover. 

É preciso ter em mente que, ao financiar um automóvel, o comprador terá que pagar os juros informados pela concessionária e todas as diversas taxas que estão incluídas nesse procedimento. Ou seja, antes de sair comprando um carro para pagamento em 60 parcelas (5 anos), analise o Custo Efetivo Total (CET) para descobrir o quanto você terá que pagar a mais em comparação ao valor do veículo à vista. Essa ainda é a melhor forma de saber o quanto você terá que desembolsar no total.

Quem opta por um financiamento, no entanto, deve pesquisar muito e apenas de comprometer após uma boa reflexão. É preciso utilizar do financiamento com muita inteligência, sempre pensando em financiar um valor bem pequeno. A dica é pesquisar as diferenças de custo entre financiamentos de diferentes instituições – sem precisar aumentar o valor da entrada, nem encurtar o prazo de pagamento, o que pode te ajudar a economizar um bom valor. Fique atento, em especial, às taxas de juros e sempre calcule o custo total do financiamento e não o valor de cada parcela.

    Procurando proteção veicular ou residencial? Entre agora em contato: