Trânsito Seguro: 5 dicas para fazê-lo

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

O trânsito continua sendo o responsável por muitos acidentes, inclusive com vítimas fatais. Realmente, dirigir nas grandes cidades pode ser muito estressante e, movidos pelas emoções, muitos motoristas podem cometer imprudências. Às vezes, a necessidade de chegar a tempo a algum local também leva a alguns excessos.

O trânsito é formado por veículos muito grandes, grandes, médios e pequenos. Além disso, há diferentes tipos de veículos, como automóveis, caminhões, motos, bicicletas. Se não existir respeito às leis e bom senso, a situação no trânsito fica ainda mais perigosa. Por isso, vamos mostrar 5 dicas que vão te ajudar a fazer o trânsito mais seguro.

E, para se prevenir contra acidentes, não esqueça de contratar um seguro carro BH ou um seguro moto BH. É uma forma de se precaver contra possíveis imprevistos!

1. Fique atento aos dispositivos de segurança

Os equipamentos de segurança são fundamentais. Em um carro, é necessário colocar o cinto de segurança (tanto os passageiros da frente quanto os de trás).

Os faróis e retrovisores também otimizam a segurança, por isso evite andar com eles rachados ou ausentes. Além disso, isso pode gerar multas e até apreensão do veículo.

Para o motociclista, os cuidados devem ser ainda maiores. Ele deve compreender que a moto é um veículo bem mais vulnerável que o carro e, assim, o motociclista está exposto a mais riscos. É preciso usar capacete, luvas, luzes refletivas, roupas adequadas para guiar. E não deve esquecer os faróis e retrovisores também.

2. Respeite a sinalização e as preferências

Não adianta pressa! Imagine avançar o sinal vermelho e colidir com outro veículo ou atropelar alguém. Isso vai atrasar você, não vai? E a situação será ainda pior, pois haverá prejuízos financeiros — além da possibilidade de vítimas fatais. Por isso, respeite os semáforos e a faixa de pedestres.

O condutor de moto deve ficar atento a esses pontos. Muitas vezes, ele considera que algumas infrações podem ser feitas porque seu veículo mais flexível (e mais vulnerável, lembre-se disso) tende a ser mais ágil e pode desviar mais facilmente de certos obstáculos. É um grande erro que tem gerado muitos acidentes no trânsito.

O motociclista deve respeitar a sinalização e as preferências. Deve se conscientizar de que não é apenas sua vida e seu veículo que estão em jogo, mas os bens e a vida de outras pessoas. Além disso, o seguro de moto BH cobre prejuízos materiais — mas e se ele morrer ou ficar inválido? Um seguro de vida resolve esse ponto, mas será que vale a pena correr o risco?

3. Faça sempre manutenções no veículo

Outro ponto fundamental é a manutenção periódica do veículo. Carros e motos com defeitos são mais propensos a gerar acidentes. Assim, é necessário alinhar e balancear os pneus, manter o óleo em dia, trocar peças desgastadas, cuidar da suspensão e da pressão dos pneus e assim por diante.

4. Respeite a velocidade permitida

Um dos grandes problemas no trânsito ainda é a velocidade acima da permitida. “Velozes e Furiosos” só nas telas de cinema. No trânsito real, devemos ser calmos, pacientes e sempre andar na velocidade permitida. Isso evita, não só acidentes, mas problemas com a fiscalização, como multas e perdas de pontos na carteira de motorista.

5. Contrate um seguro carro BH/seguro moto BH

Faça uma cotação seguro veicular e contrate o melhor seguro carro BH ou seguro moto BH, conforme o veículo que tiver. É uma garantia contra situações imprevistas e indesejáveis. Nem sempre estamos no controle de tudo. Alguns acidentes acontecem mesmo quando há atenção no trânsito.

Siga essas dicas e deixe o trânsito mais seguro. E sempre tenha um seguro moto BH ou um seguro de carros. Se preferir, pode contratar a proteção veicular: é uma boa opção para pessoas mais jovens e para condutores que desejam economizar!

Como você sabe, acidentes podem envolver outras pessoas. O veículo pode colidir com um poste, mas também pode bater em outro carro ou moto. É aí que entra o que se chama responsabilidade civil. Aproveite e veja como funciona e a importância da proteção contra terceiros!

Procurando proteção veicular ou residencial? Entre agora em contato:





Comentários no Facebook