Como os furtos aumentaram no Brasil

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Infelizmente a onda de furtos só aumentou de uns anos para cá. Segundo o 11 Anuário do Fórum Brasileiro de Segurança, mais de um milhão de motoristas tiveram seus veículos furtados entre 2015 e 2016 em todo o Brasil. Este levantamento reuniu dados oficiais fornecidos pelos órgãos estaduais de segurança.  

Somente em 2016, houve o registro de 552 casos de roubo ou furto de veículo no pais. Ou seja, somando 2015 e 2016, o número de veículos tomados de seus proprietários chega a incríveis 1.066.674. Só em São Paulo, foram mais de 188 mil motoristas tiveram seus carros roubados, sendo 82 mil somente na capital do estado.  A maior taxa de incidência desse crime, no entanto, foi registrada no Rio de Janeiro, onde a média ficou em torno de 916,7 casos de furto ou roubo de veículo para cada grupo de 100 mil habitantes. Esses dados abrem nossos olhos para a proteção veicular e do quanto é importante protegermos nossos bens. Para quem não sabe, a Proteção Veicular é um sistema de rastreio, onde divide-se, de uma forma direta, os
custos dos sinistros (roubo, furto, colisão, enchente, etc) dos associados, de forma que,
caso algum associado enfrente algum tipo de contratempo coberto pela Proteção
Veicular, o problema seja resolvido no menor tempo possível, de forma ágil e sem
burocracias desnecessárias.

A proteção veicular ajuda e muito os donos de automóveis no Brasil todo a se sentirem mais seguros para se locomover. O fato é que um carro é um bem caro e por isso precisa de proteção. Com essa proteção, você encontra uma das formas mais baratas e bem menos burocrática que os seguros tradicionais, é possível proteger seu patrimônio sem gastar muito e sem as inúmeras burocracias que as seguradoras impõem a seus clientes.

    Procurando proteção veicular ou residencial? Entre agora em contato: