6 dicas para escolher sua proteção veicular

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

homem-parado-ao-lado-do-carro-quebrado-chamando-serviço-de-proteção-veicular

Com o aumento de roubos e furtos de veículos no Brasil, a contratação de serviços de proteção veicular vem crescendo cada vez mais. No entanto, contratar um seguro de moto ou carro não deve ser uma medida a se tomar de qualquer jeito.

Faz-se necessário se certificar de estar contratando um plano adequado, que ofereça soluções para suas demandas, com valor condizente e assistência acessível.

No post de hoje, trouxemos algumas dicas úteis para auxiliar você a escolher o seguro de proteção veicular ideal para suas necessidades. Descubra a seguir!

1. Informe-se sobre a cobertura da proteção veicular

Existem diversos tipos de cobertura de proteção veicular. Para evitar imprevistos — como precisar de um serviço que sua apólice não incluiu — conheça bem as situações incluídas no plano contratado.

As coberturas variam muito de associação para associação. Por isso, entre em contato com a companhia e identifique qual opção se encaixa melhor nas suas demandas.

2. Procure conhecer a prestadora de proteção veicular

É de suma importância conhecer a reputação e histórico da organização que vai prestar seu seguro de automóvel.

Busque avaliações na web, converse com outros clientes e pesquise se a empresa tem algum registro ou histórico de reclamações em sites. Caso haja queixas registradas, verifique qual foi a assistência dada pela organização.

O atendimento e suporte ao cliente são critérios importantíssimos e que devem fazer parte das prioridades da companhia. Observe também se a empresa conta com canais de comunicação acessíveis e funcionais.

3. Opte pela rapidez e eficácia de reparos

Trata-se de um ponto essencial. Busque uma associação com reputação de fazer reparos de forma rápida e eficiente.

Grande parte das reclamações encontradas sobre serviços de proteção veicular são relacionadas a longos períodos de espera para realizar consertos nos veículos segurados.

Contudo, tenha em mente que todo procedimento vai requerer etapas que podem demorar, como entrega de documentos, análises técnicas, entre outras.

4. Avalie se a cobertura é nacional

Se você tem o hábito de fazer longas viagens com seu veículo, verifique se a cobertura vale para todo o território brasileiro. Geralmente, as empresas oferecem proteção veicular em todas — ou grande parte — das regiões do Brasil.

5. Descubra se há assistência 24h

Além da cobertura em todo o território nacional, a assistência 24h também é um requisito primordial a se avaliar.

Cheque se o plano de assistência apresenta cobertura 24h, principalmente para serviços imprescindíveis e que causam transtornos recorrentes — reboque, troca de pneus, serviços de chaveiro, mecânico e eletricista.

6. Pesquise preços e benefícios

As organizações comumente asseguram benefícios de proteção personalizados, tornando possível ponderar suas opções, estudar preços e escolher qual plano atende às suas necessidades com um valor que caiba no bolso.

Apenas não se esqueça de, antes de avaliar o preço do contrato, considerar também os outros pontos já citados, pois o barato demais pode acabar saindo caro.

Pesquise sobre a empresa, verifique sua legitimidade e, após ter certeza de que ela vai oferecer bom serviço e suporte adequado, só então compare preços com outras associações também avaliadas positivamente.

Agora que você já sabe o passo a passo de como avaliar e escolher uma boa organização para contratar proteção veicular, tome uma decisão consciente e sem medo de se arrepender!

Se você gostou das dicas e deseja ver mais conteúdos como esse, não deixe de nos seguir no Facebook!

Procurando proteção veicular ou residencial? Entre agora em contato:





Comentários no Facebook